Imagem: Shutterstock

Imagem: Shutterstock

Sempre fui fanática por televisão, não conseguia dormir sem ver televisão antes. Com o tempo, fui ficando mais fã de música. Durante a gravidez, música foi tudo pra mim. Fazia tudo movido a música, como contei aqui e sempre tive a sensação de que a Clara gostava bastante quando eu ouvia e ficava cantando. Quando Clara nasceu, eu tentei evitar ao máximo colocá-la em frente a Tv e sempre dei preferência pra música. Mas no final das contas, música ou televisão para bebês: qual escolher?

No quarto dela tem televisão e rádio, a televisão porque “sobrou” na casa e confesso que muito me ajudou nas madrugas a dentro amamentando, pelo menos eu tinha a televisão de cia, né? O rádio foi proposital, sempre li que crianças se acalmam com sons de água, chuva, mar e relaxantes e claro, abusei desta informação, tanto pra brincar, como nos momentos de relax (relembre aqui).

Sempre tentei variar o tipo de música com a Clara, tenho minhas preferências, mas sei que quando ela tiver o poder de escolha, irá muitas vezes escolher o contrário ahahahhahahaha.
Gosto muito da Palavra Cantada, Adriana Partimpim, Barbatuque, tem as versões Coldplay, Bob Marley, Beatlhes e outros mais para bebês  mas também ouvimos Galinha Pintadinha e agora no berçário ela conheceu a Xuxa, Patati Patatá entre outros.

Clara já teve aula de música no Berçário e as Berçaristas disseram que ela adorou.
Quando estamos no carro, eu canto pra ela e ela dá gargalhadas. No meu celular, tenho um app (Lullaby for Babies 2) que ela simplesmente AMA e sempre se acalma quando escuta a música 2.

Só acho que devemos variar em nossas escolhas, assim, a criança também tem a opção de escolha, né?

Quanto a televisão, eu particularmente não gosto de deixá-la assistindo, inclusive AMEI que no Berçário não tem TV. Não sou contra, mas Clara está na fase de desenvolvimento, de brincar, aprender e descobrir coisas novas no mundo, em seu corpo e acho que a televisão ainda é cedo.
Quando ela está na frente da televisão, tento pelo menos deixar nos desenhos próprios pra bebês.
Segundo meu Pediatra, não tem problema deixá-la “assistindo” um filme violento, por exemplo, pois ela não tem noção de entender, ela gosta das cores.

Ok, ela tem quase 7 meses apenas, mas como ela ri pra TV quando o desenho faz alguma coisa engraçada ou muda a voz do personagem???
É a mesma coisa quando brinco com ela e faço 1001 voz e ela caí na gargalhada.
Pelo sim, pelo não, não a deixo assistir coisas que eu quero assistir.

Em casa funciona assim: Clara fica 9 horas no Berçário, quando chegamos em casa, ela é a prioridade, então se ela vai ficar na sala conosco, brincamos com ela, cantamos, lemos histórias, fazemos nossas palhaçadas. Não uso a televisão como recurso pra ela ficar quieta, sabem? E se ela for assistir televisão, iremos todos assistir um desenho bem colorido. Acredito e gosto muito do equilíbrio e como ela já fica o dia todo longe da gente, enquanto ela está acordada em casa, ficamos com ela, né???

Sim, ser mãe, pai não é fácil. Principalmente depois de um dia inteiro de trabalho, mas como digo, ela foi planejada, querida e sonhada, então faz parte desta fase, né?

Quando ela estiver maior, posso mudar esta rotina e forma de pensar, mas por enquanto, faço assim e não recrimino quem faz diferente, respeito. Afinal, só a gente sabe aonde o calo aperta, né????

Como é aí na casa de vocês????
Beijos

Share Button

Comentários

  1. Variação é sempre bom! Por aqui é mais ou menos assim tbm. Lóli ganhou da Vó ano passado aquelas caixinhas de música que tem entrada usb e tem seu próprio pendrive com as músicas que eu acho que ela pode ouvir e ela adora pular fazer as coreografias que aprende na escola [ela quer me ensinar!!!] e é farra garantida!

  2. Por aqui não tem muito jeito pois meu mais velho tem 6 anos e já pede o que quer ver (claro que TUDO passa pela nossa aprovação e tv só na hora da janta depois que chegam da escola e já estão cansados).
    Então a Sara acaba por assistir tb e infelizmente gosta.
    Teve um dia que eles estavam vendo Galinha Pintadinha e ela não piscava!
    Mas qdo eles estão na escola o que rola é mesmo é música para embalar suas brincadeiras, pois ela está na fase de quase engatinhar então passa o tempo em um tapete de EVA fazendo suas descobertas.

    Bjos
    Elaina Furlan #amigacomenta
    http://www.vidademae.net