Imagem Pinterest

Imagem Pinterest

“Amigo é coisa pra se guardar, do lado esquerdo do peito” já dizia Milton Nascimento. Pra mim amizade é tudo, tenho amigas desde a terceira série e por mais que não nos falemos sempre, sabemos que estamos ali, assim como tenho amigas conquistadas e adquiridas mais recentemente, das quais por questão de afinidades atuais estão mais presentes no meu dia a dia. Clara está na escola desde os 6 meses e algumas de suas amigas bebês de berçário estão juntas com ela desde mais ou menos a mesma idade e é incrível ver como elas são amigas. Será que existe amizade entre bebês e crianças?

Significado de Amizade s.f. Afeição, estima, dedicação recíproca entre pessoas do mesmo sexo ou de sexo diferente: laços de amizade. / Amor. / Acordo: tratado de amizade. / Benevolência, favor, serviço: provas de amizade. / Simpatia de certos animais pelo homem: a amizade do cão pelo dono. – Fonte: Dicionário

Quem me acompanha na fanpage e pelo Instagram (siga aqui) sabe que a Clara é mega falante, brinco que ela é a “fifi” da classe dela, pois ela me conta tudo o que acontece. Ela sabe quem são os pais de todos seus amiguinhos e fala oi pra todos quando eles chegam, fala se levou mordidinha ou não e inclusive se um amiguinho fez algo no outro amiguinho.

Quando comecei a organizar a festa de 2 anos dela, pensei se deveria convidar ou não os amiguinhos de classe, pois só eles se conhecem, nós pais nem tanto, a não ser os que começaram juntos na primeira unidade em que eles estudaram, o que somam 3 pais. Os horários são bem flexíveis e é difícil nos encontrarmos na entrada ou saída e quem determina se as crianças vão ou não nas festinhas são os pais. Sim, teoricamente é assim que funciona hahahaha.

Acabei que convidei os 3 nomes das meninas mais citados pela Clara e que eu conhecia os pais e que nós 8 (entre os pais e mães) já nos conhecíamos e acreditem, foi a melhor coisa que eu fiz.

Conforme os convidados iam chegando, Clara se empolgava mais, ria, brincava e demonstrava sua alegria, mas quando as amiguinhas da escola chegaram, Clara dava pulos de alegria e todas elas GRI-TA-VAM de alegria. Era lindo de se ver.

Este domingo, tivemos aniversário de uma amiguinha da Clara, a Júlia, eu falei pro Marido, nós vamos no aniversário da melhor amiguinha da Clara e ele com seu jeito único de ser disse:

– Ô Bueno (sim, esse é o jeito carinhoso e amoroso dele me chamar hahahahaha), ela é bebê. Acha que elas sabem o que é ser ou ter melhor amiga?

Pois bem, chegamos na festa e a Juju, (“Rúlia ou Rúrru como a Clara a chama) estava junto com sua avó, quando ela viu a Clara, ela largou a avó, gritou e disse:

– Eba! A Cllllllllara chegou. A Clllllara veio.

– Vem Cllllllllara bincá com a Juju.

Pegou ela pela mão, mostrou os giz de cera e foi levá-la pro pula pula e lá elas ficaram pulando pelo menos uns 40 minutos sozinhas e ninguém as tiravam de lá.

Elas tem exatamente 1 mês de diferença de idade, estão juntas desde os 6, 5 meses respectivamente e passaram juntas por todas as fases: bebê, engatinhar, andar, mudar de professora, sair do berço e ir pro colchonete, evolução dos brinquedos , ou seja, tudo neste 1 ano e meio de convivência, ou seja, passaram coisas juntas e por mais bebês que fosse e ainda são crianças, acredito sim que tenham um laço, um vínculo.

Pouco depois as outras 2 amiguinhas chegaram, a Bebela, sua irmã mais velha que não é da turma delas, mas todas conhecem, a Helena e o quarteto fantástico foi formado.

Não deu tempo de pedir autorização das mães pra publicar foto das meninas  aqui, então tampei o rosto por questão de privacidade :)

Não deu tempo de pedir autorização das mães pra publicar foto das meninas aqui, então tampei o rosto por questão de privacidade 🙂

Impressionante como elas desde pequenas tem afinidades e se adoram, era nítido de se ver, os convidados da festa comentavam que a Júlia só ligava pras amiguinhas.

Ah! Só uma observação: Até o mais durão dos durões viu que sim, elas se adoram e que sim, Clara tem suas melhores amigas. hahahahahahaha

Fora as amiguinhas da escola, Clara tem outras, mas é mais difícil a convivência por causa da agenda dos pais.

Espero poder me reunir mais com minhas outras amigas e suas Crias pra eles criarem laços, vínculos e crescerem juntos.

Fico feliz em saber que minha pequena já tem suas amiguinhas e torço pra que elas continuem independente da correria de nós pais.

Andei dando uma pesquisada na internet e vi diversos artigos que dizem ser super importante a criação de novos laços e que nós pais devemos contribuir com isso.

Marcar pic-nic com os pais dos amigos da escola, promover encontros em ambiente fora da escola, organizar a agenda de adulto com a da criança é super válido e as crianças adora.

A mãe de uma das amigas da Clara observou perfeitamente a alegria de sua filha ao encontrar suas amiguinhas fora da escola e o mais importante, encontrar SUAS amiguinhas e não as amigas da irmã mais velha.

E com vocês? As Crias já demonstram que são seu amigos?

Beijos,

Paola

Share Button