alimentação infantil saudável no parque ou praia

Verão finalmente chegou, fim de ano, férias escolares e com isso os passeios, viagens ficam mais frequentes e em muitas mães bate o desespero de como vai ficar a alimentação das Crias nesta fase. Já falei neste POST sobre como fazer com a alimentação dos bebês e crianças nas viagens e hoje vou falar do que oferecer na praia, clube ou parque.

O importante é sair com as crianças, se divertir bastante e se organizar pra você também descansar e se divertir, saindo um pouco da tão falada “escravidão” da cozinha.
Cozinhar pra mim não é um fardo, pois eu amo e faço todo dia aqui em casa, porém concordo que uma vez ou outra, quando muito cansada dá uma preguiça de encarar a cozinha. Pra mim o pior é a louça depois hahahahaha.

Mas vamos as dicas de hoje:

1 – PRA TRANSPORTAR:

Invista em uma bolsa térmica. Agora no fim do ano, várias empresas dão junto com itens refrigerados.
Eu tenho 2 que ganhei em ações promocionais e super funcionam.

2 – PRA BEBER:

Água sempre tem que estar no kit alimentação, pois é água que hidrata o organismo e com o calor que faz atualmente é necessário sempre oferecer água pras crianças.
DICA: Coloque a água filtrada em garrafinhas pet e leve ao freezer de um dia pra outro. A água vai virar gelo e irá descongelar conforme o calor deixando a água sempre fresquinha.
Caso tenha uma boa garrafa térmica, que conserva a temperatura, use e abuse.

Suco industrializado: SEMPRE SEM AÇÚCAR, já falei neste POST sobre as opções saudáveis existentes no mercado.
Com o suco eu faço um pouco diferente da água, eu coloco no freezer assim que acordo (Clara acorda super cedo) e quando vamos sair coloco na bolsa térmica.
Pode congelá-lo como a água também.

Se o bebê/criança ainda está no leite materno ótimo, uma coisa a menos pra se preocupar.

Tomate cereja, pão integral, maçã desidratada, grissini de gergelim, uva sem semente, água e suco industrializado sem açúcar 🙂 Opções pra garantir um dia de diversão na praia!

3 – PRA COMER OPÇÕES SALGADAS (levando de casa):

São tantas opções que não estragam que mais uma vez digo que não precisamos recorrer as papinhas industrializadas.
– Palitos de vegetais: tomate cereja, pepino, cenoura (depende da idade da criança pra conseguir morder e comer);
– Vegetais cozidos: vagem, cenoura, batata bolinha com casca, brocólis;
– Mussarela de búfala;
– Grissinis, biscoito integral salgado;
– Fatias ou cubinhos de pão integral;
– Pipoca estourada.

Palitos de pepino e tomate cereja com búfala e manjericão 🙂

4 – PRA COMER OPÇÕES DOCES (levando de casa):

– Frutas desidratadas;
– Frutas secas;
– Frutas in natura: uva sem semente, melão, melancia (já picadas e prontas pra consumo) e a mais fácil de todas, a banana;
– Smoothies de frutas sem açúcar.

No pote verde tinha pipoca estourada e no laranja melancia picada 🙂

5 – PRA COMER (comprado nos locais):

Primeiro você tem que confiar aonde você está pra comer lá! Mas existem algumas opções que são bem cozidas e uma vez ou outra não tem problema.

– Milho cozido
– Saladas de fruta ou porções de frutas
– Suco natural sem açúcar

FUJA e fuja rápido: lanches naturais, frituras, raspadinhas cheias de leite condensado, pastéis, porções empanadas, lanches com maionese, salgadinhos industrializados, salgados com recheio de embutidos, hot dog.

Nossos passeios na praia aos 11 meses, parque e praia com 1 ano e 3 meses 🙂

E como sempre falo, com organização não tem cansaço, não tem neura e todo mundo aproveita!
Bom verão, boa viagem e bom passeio.

Beijos

Share Button