Imagem: shutterstock

Café da manhã, a primeira refeição do dia, logo, uma das mais importantes se não for a mais importante, afinal, ficamos um grande número de horas sem nos alimentar e estamos em jejum pra começar o dia e nossas atividades! Quem me acompanha sabe o quanto eu bato na tecla desta refeição e sua importância para as crianças e adultos, mas sei que não é fácil de fazê-la por “n” motivos. Motivos estes, que nós pais, adultos e responsáveis precisamos driblar pra colocá-la em prática. De 8 a cada 10 emails que recebo diariamente, o assunto principal é: Meu filho não aceita o café da manhã! Mas e aí, o que fazer? Será que existe culpado nesta história?

Não digo culpado, pois esta palavra é muito forte, mas posso dizer que a correria do dia a dia é um dos grandes fatores com os quais não conseguimos acrescentar o café da manhã na rotina das crianças!

Junto com a correria do dia a dia, temos alguns agravantes: medo deles estarem comendo pouco, a falta de paciência, damos o braço a torcer e eles nos vencem em relação as consistências, escolhas dos itens do cardápio e etc.

Enquanto o bebê é amamentado exclusivamente (até os 6 meses), tudo é tranquilo no quesito oferta de nutrientes, depois vem a fase da introdução alimentar, que nada mais é do que uma fase onde preparamos a Cria pra começar a comer como nós, ou seja, a tão famosa fase comida da família!

É muito comum uma mãe se desesperar na introdução alimentar e fazer papas só batidas, peneiradas e 100% pastosas, depois de superada esta fase, entra a fase de bater a fórmula ou leite com frutas, cereais e dar aquela mamadeira “caprichada” enquanto a Cria ainda está na cama. Aí une a praticidade com a consciência limpa: meu filho está alimentado e nutrido … E mais uma vez o café da manhã fica em segundo plano.

Mas vem cá, será que vale a pena fazer tudo assim, prático e arrastar o problema lá pra frente, quando seu bebê se tornar criança e entender que te venceu? Ou então se tornar uma criança seletiva, “preguiçosa” no ato de mastigar, não querer conhecer novos sabores, texturas e itens?

Pode acreditar, você está só postergando um problema que sim, irá aparecer e você como responsável irá enfrentá-lo!

O ideal é que com 1 ano, já comecem a tomar um cafe da manhã mais caprichado e não só a fruta e leite, independente de ser o leite materno. É a hora de começar a criar o hábito e conforme for passando o tempo, novos itens irão entrar no cardápio.

Não vai ser de primeira que seu filho irá aceitar o café da manhã, pois é muito mais gostoso ficar deitadinho na cama, tomando seu leitinho do que ter que sentar na mesa, na hora em que acorda e comer algo, MAS é algo que depende sim de paciência, persistência e força de vontade!

Convenhamos, se pra eles é mais gostoso tomar o leitinho deitadinho enquanto nós nos arrumamos pra ir trabalhar ou fazer qualquer outra coisa, pra gente a praticidade de apenas fazer o leite ou amamentar então, ah, é conforto total e ainda podemos ganhar uns minutinhos a mais dormindo …. E mais uma vez o café da manhã fica em segundo plano.

Por isso falei sobre a responsabilidade ser nossa! Não são eles que vão começar a pedir tal refeição, somos nós que devemos investir nela e dar o primeiro passo sempre com paciência!

Mas vamos ao passo a passo:

  • Comece a fazer o café da manhã no fim de semana, sábado de preferência, assim vocês tem 2 dias pra já tomarem o café juntos.
  • Reúna a família, sentem-se a mesa e partilhem deste momento.
  • Coloque itens que sua Cria já pode comer e comam todos as mesmas coisas.
  • Monte a mesa de forma harmônica, colorida e linda.
  • Quando estiver indo pra mesa, fale com empolgação para a Cria: Nós vamos tomar um café da manhã!
  • Façam a refeição com calma, sem medo de roubar a fome da próxima, qualquer coisa, postergue um pouco o lanche da manhã ou almoço.

Durante a semana:

  • Se organize com os itens.
  • Acorde alguns minutos mais cedo pra não te atrasar e culpar o café da manhã.
  • Deixe um cardápio pré pensado, assim não precisa acordar e pensar no que servir.
  • Comece os primeiros dias oferecendo os itens mais aceitos pela Cria.
  • Sente e tome o café da manhã junto com a criança, crie você também este hábito.
  • Converse numa boa e fale o que estão fazendo.
  • Tente criar uma rotina pra hora de dormir no dia anterior, assim a criança acorda cedo com mais disposição, afinal, se eles dormirem tarde, terão mais preguiça pra acordar no dia seguinte.
  • Mostre que tomar o café da manhã é importante, entre no mundo lúdico deles e divirtam-se, você vai ter que acordar mesmo, vai ter seu dia todo pela frente de qualquer jeito, então bora começar de bom humor e alegria ao lado da Cria.
  • Não se desespere se ele não comer, espere o hábito ser criado de verdade! Leva tempo e é normal.
  • Não ofereça o leite cheio de coisas primeiro, mostre que existem outras coisas pra ele comer e que são gostosas.
  • Não comece já com pensamento negativo do tipo: mas meu filho não come nada, meu filho não aceita, meu filho isso, meu filho aquilo! ACREDITE!

Vamos todas fazer um teste e bora começar o dia com um café da manhã delícia com nossas melhores cias! Postem foto no Instagram e usem a hashtag #CaféDaManhãMC que eu passo por lá e dou pitaco, que tal?

E nos sigam por lá (@maternidadecolorida), todo dia posto a foto do café da manhã aqui de casa, olha só:

Café da manhã aqui de casa! 🙂

Desafio lançado! 😉

Observação: NESTE link tem praticamente todos os posts que escrevi sobre o assunto, com dicas e orientações, como faço aqui em casa, exemplos de cardápios e etc!

Beijos,

Share Button