Outono chegou e com ele aqueles dias delícias com as doenças respiratórias fazendo visita em casa! Clara não tem asma, bronquite ou rinite, mas vira e mexe fica com o nariz entupido e o que me salva é a boa e velha inalação! Mas confesso, já escolhi errado o aparelho, por isso, separei algumas dicas de como escolher o nebulizador/inalador ideal!

Aqui em casa já tivemos aparelho de ursinho, elefantinho, cachorrinho e todos os bichinhos, dos mais caros até o mais baratos. Era a típica pessoa que entrava na farmácia e perguntava pra atendente qual o melhor inalador e acabava comprando o que cabia no bolso! Porém, como não sabia escolher o ideal, não sabia quais especificações olhar!

Por isso, separei algumas dicas de como escolher o nebulizador/inalador ideal no ponto de vista “médico”, ou seja, que funciona meeeeeeesmo, e do ponto de vista de mãe:

1 – É fácil de manusear?

Pense assim: a maioria das crianças não curtem muito a inalação em um primeiro momento, então, a forma como elas seguram a “máscara” precisa ser fácil.

2 – É fácil de higienizar?

Por mais que possa ferver o tubo e a máscara, é fácil de secar 100% para não ter nenhum resquício de bolor ou mofo? Mesmo aqueles que a gente não enxerga?

3 – O tempo de nebulização é “curto”?

Se a criança não curte a ideia de inalação, imagine um aparelho que demora 20 minutos para terminar o processo! É sempre um parto e chororô,

4 – Pode colocar medicamento, caso a inalação da sua pessoinha seja com medicamento?

 Você sabia que algumas medicações não põem ser utilizadas em qualquer inalador? O aquecimento produzido por alguns inaladores podem alterar alguns medicamentos.

5 – É trambolho?

Já pensaram que o tamanho do aparelho de inalação pode interferir quando precisamos leva-lo pra cima e pra baixo? Existem pessoinhas que têm o nebulizador como melhor amigo e, praticidade no transporte também deve ser levado em consideração. O antigo aparelho da Clara ficava dentro da caixa (que tinha o tamanho de uma caixa de sapato de adulto), láááá em cima do armário, que era onde tinha espaço. Ou seja, não cabe em nenhum bolsa: nem da escola, nem na minha e nem da maternidade que usávamos quando ela era mais bebê. Ou seja, era mais um trambolho a ser carregado, dentre tantas coisas que precisamos levar!

6 – É silencioso?

Por mais que não seja indicado fazer a inalação nas pessoinhas enquanto elas dormem, nada melhor do que um inalador silencioso e sem aquele barulho que mais parece um aspirador, né? Para os menores, além de assustar, pode incomodar!

O meu aparelho de nebulização que cumpre com maestria todas as funções acima é o Nebzmart. Vocês já conhecem? É um superlançamento da farmacêutica GlenMark e fiquei boba como nunca ninguém pensou nisso antes. Para começar, ele vem em uma necessaire pequena e cabe nas mãozinhas das crianças. É leve e pode ser usado ou na saída USB  (pluguei o meu no powerbank!!!!) ou à pilha, o que deixa totalmente wireless. Quando você liga, não ouve quase nada! Se não fosse a nuvem saindo, com certeza nem iria perceber que estava ligado, hahaha! E aí, eficiência é o sobrenome do Nebzmart: ele é mais rápido do que os concorrentes porque tem uma tecnologia inovadora, que “quebra” melhor as partículas de água, carregando de modo mais apropriado os medicamentos. E, depois de usar, não tem que ficar pirando na lavagem daqueles tubos desengonçados! Basta higienizar o bocal, secar e guardar. Tá pronto!

Agora você vai me dizer: “Ah, tá bom, Paola, mas quantos carros vou ter que vender para ter essa maravilha em casa?” Hahaha! Vocês sabem que eu sou totalmente fã do curso benefício que a vida não é fácil aqui, ainda mais na preparação para a chegada do Bento! Por isso, te digo com muita segurança que o Nebzmart vale o investimento e que ele não é tão alto assim – atualmente, o produto custa um pouco menos do que os modelos ultrassônicos, e é mais eficiente! Você encontra o produto para comprar em Drogarias de todo o Brasil, e também online, no site www.nebzmart.com.br

Beijos, pessoas!

Share Button